hoje e sempre

22:25



Pediste-me, um dia, que te escrevesse os meus medos, ansiedades e receios. 

Lembro-me que te respondi que se os escrevesse se iriam tornar reais.


Não percebeste, na altura, o que quis dizer e eu não te quis explicar. 

Talvez porque já sabia que não o irias entender, como não entendias metade do que dizia. 
Talvez porque, já nessa altura, saberia o quão complicada realmente sou e que eu nunca me conseguiria revelar completamente a ti, pelo simples fato de tu não perceberes. 

Mas hoje penso, será que algum dia irá alguém perceber-me?
Duvido.
Sinto que sou demasiado complexa para alguém sequer se dar a esse trabalho.
E mesmo que o quisessem fazer, como tu quiseste, sendo eu como sou não o iria deixar.
Mas sou assim desde que me lembro. Não me é fácil deixar as pessoas entrar. Não me é natural ou confortável.
E, no entanto, nunca gostei do que era fácil, natural ou confortável.
Talvez, por isso, goste tanto de ti.


Carolina C.

You Might Also Like

0 Storms

Mensagens populares